Eu♥Resenhas: Anno Domini II


Título Original: “Anno Domini - Manuscritos Medievais II”
Autores: Vários.
Ano: 2011.
Páginas: 126.
Editora: Andross Editora.

Anno Domini é uma antologia de contos medievais da editora Andross, ao todo são 18 contos de, no máximo, 5 laudas.

Gostei bastante de alguns contos, em especial o conto "Factum Est" de O. A. Secatto, "A Cigana" de Rafael Leoni, "Da Terra aos Céus" de Rodolfo Santos e "Incubus" de Roxane Norris. Só não continuo listando porque se não vou falar todos os contos agora e não foi assim que planejei.

Apesar de existir uma temática definida e bastante utilizada já no meio literário e cinematográfico, no livro encontrei vários contos com enredos bastante originais e com personagens bem construídos. Foi uma grata surpresa.

O primeiro conto é "O Grito de Aron" e, apesar de utilizar um personagem bastante peculiar em histórias medievais: o bardo, a narrativa não me agradou. Não me entendam mal, mas utilizar o presente do indicativo durante toda a história soa cansativo. É como se uma ação seguisse a outra de forma imediata, na minha humilde opinião, fica uma narrativa corrida, portanto, desagradável. Eu gosto de saborear a história, as passagens e me perder por entre as linhas e personagens. Apesar dessa abordagem interessante, o enredo também soou um pouco confuso, talvez tenha sido por conta da narrativa. A única coisa que posso dizer é que esse conto não está entre os meus favoritos e infelizmente não é o melhor cartão de visitas para o livro.

O segundo conto é "A Escuridão" e apesar de trazer um lugar-comum das histórias medievais e alguns erros de pontuação, ainda assim, o enredo é interessante. A história aconteceu um pouco rápido demais para o meu gosto, mas gostei da forma que a autora tratou a jornada do herói até o final deste conto.

"Factum Est" foi a minha história favorita deste livro, quase empatando com um dos últimos contos que falarei mais a frente. Com uma boa narrativa e com personagens bem construídos aliados a uma escrita bem estruturada e um enredo emocionante, o conto correu como uma cena de filme em minha cabeça. Talvez tenha me impressionado porque o conto me surpreendeu pela abordagem voltada a religião católica. Ah, nada como o Clero para nos remeter à idade das trevas.

O quarto conto é "O Crime da Corte", gostei bastante da forma como a história seguiu, apesar de cair no cliché da paixão proibida com pitadas de inveja e intriga, foi interessante o desenvolvimento que a autora deu até o final da história.

Percebam que eu estou tentando ser o mais rápida possível na descrição e apenas introduzir as coisas que apreciei e não me agradaram durante a leitura. Contos são pequenos e se falarmos muito deles, podemos acabar revelando algo indevido. Eu é que não quero matar a surpresa que o livro pode proporcionar a vocês.

O quinto conto se chama "O Arqueiro e o Leão" e traz uma metáfora muito legal que faz mais sentido ao final do conto. Um dos que estão totalmente no meu top 10 deste livro. Bem escrito, história com um bom desenvolvimento e personagens bastante interessantes. Ao mesmo tempo em que encontramos o cliché do monarca que deixa o poder subir à cabeça, isso não mata a história, pelo contrário, dá o tempero perfeito para que a trama se desenrole de forma primorosa.

O sexto conto foi "Heliomachia: o advento da Lua" e foi o conto que menos me agradou durante a leitura. Não me levem a mal, mas é que a narrativa saía confusa e eu me perdia entre as linhas e me afogava em meio as informações e palavras jogadas ali no texto. Eu tentei lê-la pelo menos umas 3 vezes para entendê-la, mas foi em vão. Eu não entendi a mensagem que o autor quis passar, vai ver foi um problema comigo, vai saber. Mas o conto não me cativou, infelizmente.

"O Torneio" é o sétimo conto da antologia e nos traz um daqueles duelos pela mão da amada. Situação cliché, mas personagens originais e esse detalhe muda a forma como olhamos essa cena sempre tão utilizada em filmes e histórias dessa temática. Uma boa ideia a da autora.

O oitavo conto é da Roxane Norris e eu sou suspeita para falar porque sou fã incondicional da escrita dela antes de ela ser publicada, gostei bastante de "Incubus" (o título do conto dela nesse livro). Gostei muito das referências que ela utilizou e da forma que desenvolveu seu conto e a escrita, como sempre, bastante gostosa de se ler.

Gostei bastante também do nono conto "Pela Honra e Pela Glória", foi o primeiro conto que envolvia mais o tema medieval com a fantasia medieval em si, citando "raças" que costumamos ver em jogos de rpg medievais que encontramos afora. Orcs, elfos... estava esperando um em que eles dessem o ar de sua glória, encontrei nesse fabuloso conto.

Vamos adiante, só faltam mais 9 pessoal! Hahahaha!

O décimo conto se chama "O Lenhador" e embora o enredo não seja de toda originalidade do mundo (afinal essa temática é muito explorada), a forma como o autor elaborou sua história fez dela especial e é exatamente isso que importa. Gostei dos elementos utilizados no enredo.

"A Rainha Negra" está definitivamente no top 5, o décimo primeiro conto nos traz uma história que - para mim - soou original. Começa como um sonho bom e termina como um doce pesadelo. Bem escrito e desenvolvido, o final me surpreendeu.

Ah, esse conto está empatado no meu coração em primeiro lugar com o conto "Factum Est" mencionado lá em cima, esse conto - "A Cigana" - traz uma atmosfera deliciosa e sedutora. Eu poderia ler um livro com a personagem criada por Rafael Leoni. Conto bem escrito, personagem maliciosamente adorável e o final surpreendente. Muito bem desenvolvido o plot criado para esse conto.

"Cinco Minutos" traz um conto curtinho e bastante interessante. Confesso que eu não esperava encontrar um conto como esse nessa antologia. O décimo terceiro conto nos surpreende em suas últimas linhas.

O décimo quarto conto não poderia ser mais agradável. "Da Terra aos Céus" nos apresenta a um personagem que nós não vemos ser muito explorado por aí, bem, o protagonista é um anão. Eu gosto de anões. Um dos meus episódios favoritos da série Once Upon a Time é o episódio do zangado. Rodolfo Santos soube criar e desenvolver muito bem sua história e seus personagens. Viajei junto através dos céus e das aventuras que esse conto nos traz.

"O Pacto" de Mario Lopes nos brinda com uma história bastante original e com uma escrita adorável. O final soa um tanto previsível, mas não frustra o leitor. Um conto feito na medida exata para o suspense e para passar a mensagem desejada pelo autor.

Quase pulo sem querer o décimo sexto conto aqui na resenha, ironicamente ele se chama "Idade das Trevas: Talismãs Esquecidos", não duvidem da qualidade do conto, eu é que sou meio tapada mesmo. A história que nos é apresentada aqui é encantadora, bem amarrada e possui ótimos personagens, além de um enredo cativante.

O décimo sétimo conto foi bastante entusiasmante, em "O Papel do Falcão" encontramos uma história bem desenvolvida e com um final interessante. Achei o plot elaborado de maneira original e a escrita agradável.

Por fim, temos o conto "Avalon" do organizador da Antologia. Apesar dos pesares, não gostei tanto deste conto quanto de outros que li anteriormente, mas ele não deixa de ser especial. Fica difícil escolher os melhores dentre tantos contos que possuem abordagens tão diferentes e bem escritas de passagens da idade média. Esse soa diferente de todos que li anteriormente, é um conto que nós acabamos interiorizando mais a ideia que o autor quis passar. Acabei me questionando bastante durante a leitura.

E como estou há tanto falando do ranking, vou colocá-lo aqui, autores, não fiquem chateados. Eu gostei muito de muitos contos aqui e fica complicado escolher, mas por afinidade a algumas histórias, resolvi elaborar um.

  • 1 - Factum Est
  • 2 - A Cigana
  • 3 - Da Terra aos Céus
  • 4 - Incubus
  • 5 - A Rainha Negra
  • 6 - Idade das Trevas: Os Talismãs Esquecidos
  • 7 - O Pacto
  • 8 - O Arqueiro e o Leão
  • 9 - O Papel do Falcão
  • 10 - Cinco Minutos
  • 11 - A Escuridão
  • 12 - O Lenhador
  • 13 - O Crime da Corte
  • 14 - O Torneio
  • 15 - Pela Honra e Pela Glória
  • 16 - O Grito de Aron
  • 17 - Avalon
  • 18 - Heliomachia: o Advento da Lua.

Xoxo,

Julliana.



6 comentários:

Alice Aguiar disse...

adorei o final, é bom pra mim ter uma pequena noçao do q vc gostou mais :)
menina eu to querendo te perguntar e até mandei pro facebook do blog
qual o tutorial q tu usou para ajeitar essa tua area de psotagem, assim em pequenos "quadradinhos" e umas 7 ou 8 postagens na mesma pagina, assim q entra no teu blog, uma do lado da outra *-* acho tao lindo
quero mudar algumas coisas no meu e queria saber como faz
se lembrar do tutorial me avisa
ou pelo meno o nome dele

Gustavo disse...

Bom dia , é com muita alegria que venho te dizer que te indiquei para um meme literario, confira: http://vampleitores.blogspot.com.br/2012/10/meme-literario.html#more, quando responder me avise,abraços !!!

Julliana disse...

Eu acho que avaliar uma antologia dessa maneira pode ser mais justa, não é? Vou tentar seguir essa ideia. Ah, já te respondi lá, então não vou dizer aqui. Fica sendo o nosso segredinho -q. :x

Beijão, Alice!

Julliana!

Julliana disse...

Aviso sim, Gustavo! Obrigada, viu!?

Amanhã respondo <3.

Beijos,

Julliana.

Roxane Norris disse...

Jujubona!
Adorei toda sua análise do livro do qual participei, e mesmo que você ache que tenha sido sumária, eu aachei perfeita. Bem pontual para insitigar o leitor.
Agradeço por fazer parte do TOP 5, mas, mais ainda por ter uma amiga e fã tão linda!
Beijokas

Julliana disse...

Awnnnn <3 O mérito de eu gostar das suas histórias é todo seu, sua linda! Quem manda escrever tão bem assim? Hahahaha, por se tratar de contos, não dá pra falar muito sobre cada um se não a gente conta tudo e acaba com a graça. <3

Eu ia colocar o seu em terceiro, mas os anões, ah, os anões. <3 Sabe como é, quando eu era mais nova eu era tida como a Branca de Neve. Tenho certa afinidade pelos sete homenzinhos HUAHAUHAUHAUH :D

Postar um comentário

- Agradecemos a leitura do post e adoraríamos saber a sua opinião.
- Responderemos o seu comentário aqui mesmo.
- Comentários ofensivos/preconceituosos serão deletados.

 
Eu ♥ Livros © 2010 | Designed by Chica Blogger | Back to top