Vida de Otome: Vampire Knight



Olá, queridos leitores! A semana de Halloween está aí, então que tal falarmos um pouco sobre Vampiros? E um mangá que se encaixa nesse tema é Vampire Knight, da autora Matsuri Hino. Eu prometo que vou tentar ser impessoal, porque eu torço fielmente por um casal no mangá. Vamos ver se alguém descobre até o final da postagem...



A história gira em torno de Yuuki Kurosu, uma garota que tem como sua primeira memória o fato de ter sido salva, por Kaname Kuran, de um ataque de vampiro. Ele a leva até Kaien Kurosu, um friorento muito fofo, que a adota. E é isso que nos leva aos fatos do presente, dez anos mais tarde.

Kaien Kurosu é um ex-caçador de vampiros que acredita na paz entre humanos e vampiros, por isso é o criador e diretor do Colégio Cross, uma escola dividida em Turma do Dia, onde os humanos estudam, e Turma da Noite, onde os vampiros estudam. Os humanos não sabem da existência dos vampiros e, como regra da escola, é proibido que vampiros bebam sangue de humanos. Kaien também adotou um garoto chamado Zero Kiryuu, que vem de uma família famosa de caçadores de vampiros mas que, infelizmente, foram assassinados por uma vampira puro sangue. Zero e Yuuki são os monitores da escola, e suas funções se resumem a impedir que os vampiros ataquem os alunos da Turma do Dia, assim como o contrário, pois como os vampiros possuem uma beleza superior a de um humano normal, os alunos da Turma do Dia insistem em querer fazer contato com eles, mesmo sem saber o que realmente eles são, o que dá um toque cômico ao mangá.

No começo, temos bastante flashback, para entender as personalidades das personagens que formam o triângulo amoroso da série:

Yuuki Kurosu: Por ter sido salva por Kaname, o vê como o seu salvador e é apaixonada por ele, mesmo sabendo que ele é um vampiro e acreditando que nunca será correspondida. Acredita que humanos e vampiros possam viver amigavelmente e é gentil com todos, especialmente com Zero, a quem prometeu sempre proteger. Seu passado antes de ter sido adotada é um mistério, e Kaname e Kaien parecem saber mais sobre ele do que realmente demonstram.

Kaname Kuran: Líder do Dormitório da Lua, que é o lugar onde os vampiros da Turma da Noite moram, trata a todos com seriedade e autoritarismo, sendo gentil apenas com Yuuki. Costumava visitá-la antes de ir para o Colégio Cross, e nutre sentimentos por ela e a trata como o seu bem mais precioso. Por ser um sangue puro, o que é muito raro (todos os vampiros da escola são nobres), tem o respeito dos outros vampiros e o ódio de Zero. Kaname sente ciúmes da relação de Yuuki e Zero, e chega a falar pro Zero que o inveja, pois ele pode proteger a Yuuki e ele não. Kaname também guarda um segredo sobre o seu passado e a morte de seus pais, que todos acreditam que cometeram suicídio.

Zero Kiryuu: Chegou na casa de Kaien todo ensanguentado e com um ferimento horrível no pescoço, e foi Yuuki que cuidou dele, mesmo sendo contra sua vontade, pois ele falava que as mãos de Yuuki eram sujas por tocarem Kaname, um sangue puro, a espécie que ele mais odeia. Aos poucos, Yuuki quebra as barreiras entre eles e vira sua única amiga. Escondeu um segredo de Yuuki por quatro anos, até um dia em que a ataca e ela descobre que, na verdade, ele é um vampiro ex-humano. Juntos, resolvem quebrar um tabu, e Yuuki passa a oferecer seu sangue para Zero, que se apaixona por ela mas, claro, esconde isso.

Zero, Yuuki e Kaname


Dito isto, vamos entender como funciona a sociedade vampiresca: 

- Os sangue puros são os tipos mais poderosos e raros de vampiros, sendo que só restaram poucas famílias. Geralmente, casam entre si e, não raro, entre irmãos (os pais de Kaname, por exemplo) para manterem a linhagem pura. Eles possuem a habilidade de controlar outros vampiros e assumirem formas animais, além de serem os únicos capazes de transformarem humanos em vampiros, o que é proibido.
- Os nobres são descendentes de sangue puro, e possuem algumas habilidades, como controlar o gelo ou o fogo. São ricos e geralmente donos de grandes empresas, já que os vampiros possuem inteligência superior à humana. Também são os nobres que controlam o Conselho de Vampiros, e sempre tentam bajular os sangue puros, para obterem prestígio e, quem sabe um dia, conseguirem um pouco de seu sangue.
- Os vampiros comuns são... Bem, comuns. Não há muito o que falar sobre eles.
- Os ex-humanos e level E são os vampiros que nasceram humanos, mas foram transformados por sangue puros e são controlados por eles. Quando perdem o controle sobre a sede, se tornam level E. É esse o tipo de vampiro que os caçadores costumam matar, pois eles perdem a consciência humana. A única forma de não cair a level E é tomando o sangue do vampiro que o transformou. Mais tarde, descobrem que a família de Zero caiu em uma armadilha e matou um vampiro ex-humano antes dele cair e, como vingança, a sangue puro que o criou, que também era sua amante, mata os pais de Zero e o transforma em vampiro. Por isso ele odeia os sangue puros.

Também vamos conhecendo melhor os membros da Turma da Noite, que são muito carismáticos, em especial o Idol-sempai, que fica responsável por muitas cenas de comédia. Nos apaixonamos pelo Wild-sempai e seu amor puro pela Ruka. Torcemos para que Shiki e Rima fiquem juntos. E ficamos com raiva de algumas atitudes, é a vida.

O diretor Kaien possui um passado muito interessante e, aos poucos, você vai querendo que apareça mais conteúdo sobre ele e outros membros da Associação de Caçadores, como o Yagari e o Kaito.

E fica a pergunta: quem vocês escolheriam?


Enfim, eu queria poder focar mais no triângulo amoroso, mas acho que não vou conseguir ser imparcial e por isso ficou bem básico. Essa série também é muito difícil de comentar sem revelar o enredo, por isso vou deixar por conta de vocês descobrirem o que acontece. Espero ter, no mínimo, instigado a curiosidade de quem ainda não leu e, pra quem acompanha, me dizerem se consegui ser coerente. O mangá tem seus momentos altos e baixos, mas o traço é muito bonito e ainda está em publicação no Japão. 

Só pra lembrar, tem a versão anime em duas temporadas. A primeira é mais fiel ao mangá, mas isso não tira os méritos da segunda. As duas são bem desenhadas e a trilha sonora é maravilhosa e sombria.

Me despeço deixando um Feliz Dia Nacional do Livro, beijos e até a próxima postagem.

Nota: Kurosu é a forma japonesa de escrever Cross.
Nota²: Quem ficou curioso pra saber para quem eu torço, bem... Digamos que é só procurar uma tal de Mari Kiryuu por aí. Será que isso diz algo? Rss


8 comentários:

Julliana disse...

Mari, tá ótimo!

Akaku, akaku yurete... Yume no, yume no hate e... <3


Ai que saudade do chat VK! Saudade de conversar e formular teorias a respeito do final do mangá. Saudade de ler VK.

Ah, o Zero e o Kaito... Eu tenho uma queda por caçadores. Hahahah E é óbvio que o Zero vai ficar com a Yukimonga no final. Kaname Carlos vai morrer, aposto!

Beijão, Mari!
Aguardando o próximo post :*

Mariana Cardoso disse...

Kaname Carlos, que saudades! O álbum da Nash era muito épico UASHUAHSUASUSA

VK tinha que ser o primeiro, graças a ele conheci várias pessoas lindas, neah Ju? <3

Tô pensando com carinho qual vai ser o próximo!

Beeijo

Julliana disse...

Nunca mais eu vi o Kaname da mesma maneira depois que vi aquele album.

Kezia Martins disse...

Ah, mangá é tão legal.
Não tive oportunidade de ler muitos, só li mesmo Fullmetal Alchemist, One Piece, Hunter x Hunter, Naruto e de tanto minha amiga falar estou pensando em ler Bleach rsrs
Eu já tinha ouvido falar desse, mas nunca li, parece ser bem legal :)
Beijinhos,
http://fulanaleitora.blogspot.com.br

Alice Aguiar disse...

gente quando eu comecei a ver ess anime eu amei o zero logo de cara, mas ja no final eu tava babando pelo kaname sahuahuashu

Julliana disse...

Ah, fala sério, a mordida do Zero tem muito mais pegada HAUHAUAHUAHAUHAUHAUAU e fora que o Kaname lembra o Roberto Carlos. :x

Julliana disse...

Veja o anime quando tiver tempo, daí você começa a ler o mangá se te interessar :P O anime é super legal e tem uma ótima trilha sonora. :)

Mariana Cardoso disse...

É que no mangá o Kaname se torna possessivo demais, e o Zero sofrendo pela songa monga da Yuuki é de partir o coração. Só pelo anime, é mais dificil se decidir (:

Se bem que eu tenho uma tara GIGANTE por personagens de cabelo branco, sempre vou preferí-los.

Postar um comentário

- Agradecemos a leitura do post e adoraríamos saber a sua opinião.
- Responderemos o seu comentário aqui mesmo.
- Comentários ofensivos/preconceituosos serão deletados.

 
Eu ♥ Livros © 2010 | Designed by Chica Blogger | Back to top